Como manter o ar condicionado para durar mais?

Quando chega o verão, o ar condicionado torna-se um equipamento indispensável em nossas casas. Porém, por vezes, não o cuidamos adequadamente ou fazemos mau uso das suas funções, o que implica uma utilização ineficaz e consumo excessivo de energia. Se você deseja obter o máximo partido dele, basta seguir algumas pequenas diretrizes para obter maior eficiência.

O aproveitamento das vantagens dos sistemas de refrigeração depende do tipo de equipamento adquirido, por isso você deve encontrar o equipamento mais adequado às nossas necessidades pessoais. Dependendo do tipo de casa, da quantidade de pessoas que nela residem ou da presença de pessoas como idosos e crianças, o clima de cada região, etc. existirão sempre dispositivos mais ou menos adequados.

A manutenção do ar condicionado é um fator importante que não podemos ignorar, pois, do contrário, irá causar várias ineficiências. Os filtros do equipamento devem ser mantidos em boas condições, pois são a parte que mais acumula sujeira e onde costuma ocorrer a maioria das avarias. Caso a sujeira acumulada se torne considerável, o ar condicionado irá parar de funcionar corretamente. Recomenda-se fazê-lo a cada 1 mês, sempre dependendo da intensidade de uso.

Apesar que para limpar os filtros bastará levantar a tampa protetora e passar um pano úmido para retirar a camada de poeira acumulada, podemos sempre optar por contratar os serviços de um profissional.

Por outro lado, um aspecto que não podemos ignorar na utilização do equipamento é o consumo de energia que implica. É necessário estabelecer algumas diretrizes relacionadas aos horários de uso. Um erro muito comum é ligar a refrigeração desde as primeiras horas da manhã. Porém, o mais comum é que não seja necessário o seu uso até o meio-dia.

  • Da mesma forma, outro aspecto fundamental que pode trazer verdadeiras dores de cabeça é a temperatura correta na qual o termostato deve ser colocado. Nesse sentido, é importante ter em mente que o objetivo do ar condicionado é desfrutar de uma temperatura de conforto adequada. Desta forma, as temperaturas mais neutras estão entre 20 e 25 graus.

  • Preste atenção se o equipamento fizer sons incomuns, se houver algum som ou operação que não seja comum e que com o tempo piorar. Se isso acontecer deve entrar em contato com o seu instalador ou técnico de refrigeração.

  • Controle o aparelho desde fora. Se você usar o ar condicionado para aquecer a casa no inverno, certifique-se de que a água pode escapar pela parte inferior da unidade externa e que durante o descongelamento ela tenha espaço livre suficiente. No inverno, a água pode congelar e formar um bloqueio de gelo que pode danificar o aparelho.

  • Conheça o significado dos botões, que o ajudam a tirar o máximo proveito do seu ar condicionado utilizando os diferentes modos do sistema. Desta forma, você faz um uso eficiente e poupa mais energia.

  • Conte com a ajuda de um instalador profissional. Deixe o instalador verificar a quantidade de gás no dissipador do aparelho. Se o ar condicionado estiver com gás baixo, ele não será capaz de aquecer ou resfriar a casa completamente. O compressor também pode falhar se funcionar com gás muito baixo.

  • Compre sempre aparelhos da classe A +++ de eficiência energética pois representa uma economia de 40% em comparação com a classe A.

  • E por último mas não menos importante: faça a manutenção do equipamento com frequência.

Ligue Já!

Open chat