Quais os tipos de fogões que existem e quais as diferenças?

Toda pessoa que ama cozinhar, sonha com uma cozinha maravilhosa. Mesmo aquelas que não levam jeito ou não amam tanto assim, sabem que ter os eletrodomésticos certos facilita muito a vida. E um dos itens mais essenciais desta cozinha é o fogão. 

Mas encontrar o modelo ideal de fogão, nem sempre é tarefa fácil, pois existem muitos modelos à venda no mercado. Sem falar na quantidade de marcas. 

Porém, antes de pesquisar qual marca e modelo são as melhores, a primeira coisa a ser feita é saber qual tipo de fogão será o ideal para a sua casa e atenderá às suas necessidades.

Por isso, este artigo auxiliará a compreender quais os principais tipos encontrados no mercado. Confira!

O que analisar na hora de escolher um fogão?  

Para escolher o melhor fogão, deve-se avaliar a necessidade individual de cada cliente. Isso é essencial para que após a compra não venha o sentimento de frustração.  

 Para começar, conheça os tipos existentes no mercado.

Tipos de fogão   

Levando em consideração a instalação, os fogões podem ser: Fogão de embutir, fogão de piso e cooktop.  

  • Fogão de embutir: para instalar esse modelo é necessário ter uma estrutura, uma base. Ele é instalado de forma fixa, por isso não pode haver mudança de lugar, não de forma fácil. Esses modelos são ideais e comuns em cozinhas planejadas;
  • Fogão de Piso: esse é o modelo tradicional e utilizado pela maioria dos consumidores. Não necessita de nenhuma estrutura e pode ser transportado e mudado de um local para outro;
  • Cooktop: Esse é o modelo mais moderno. Ele apresenta somente a mesa do fogão, ou seja, só possui as bocas, não há forno. O seu funcionamento pode ser feito de várias formas: a gás, elétrico (aquecido por eletricidade) e por indução (aquecimento por meio de campo eletromagnético).  O funcionamento por indução e elétrico exige que sejam usadas panelas de material específico. 
  • Fogão Industrial: essa já é uma opção para comércios e indústrias. São de maior porte e realizam grandes volumes de cozimento. Geralmente são feitos de inox ou chapas de aço. Os tamanhos variam conforme a necessidade da empresa.

O fogão de piso, famoso na maioria das casas, têm as bocas e o forno acoplados à sua estrutura. Já o fogão Cooktop, não há essa estrutura.

O fogão de piso não exige mudanças nos ambientes, adaptações, obras e nem instalação. Já o Cooktop necessita que haja instalação. Em compensação, a limpeza do Cooktop é mais fácil que os outros tipos. Ele é tão fino e possui um design tão elegante, que combina com as lindas cozinhas planejadas.  

Analisando modelos mais parecidos, podemos observar que o fogão de piso é quem possui o preço mais baixo. Na verdade, a depender das funções e modelo, sua faixa de preços é bem extensa. É um modelo que atende a vários gostos, necessidades e a vários bolsos, sendo possível encontrar modelos mais baratos.

O fogão de embutir segue os padrões de preço do fogão de piso, ele só não possui uma extensão de valores tão grande assim. E é preciso lembrar que há necessidade de pagar uma instalação.

O Cooktop já é um modelo mais caro por si só, além de exigir que o usuário tenha um forno elétrico à parte.  Já há modelos de cooktop também para serem embutidos em móveis da cozinha planejada.

Em alguns casos, o usuário precisa contratar o serviço de assistência técnica de fogões para realizar as instalações e até as conversões. No caso do gás de rua, por exemplo, é necessário fazer a conversão. Assim como, o fogão de embutir deve ser instalado por esses profissionais capacitados.

Informações importantes na hora da compra

Atualmente, as marcas já trazem funcionalidades importantes, por exemplo, o acendimento automático, proporcionando mais facilidade na rotina. Porém, há modelos mais simples e com valores mais baixos no mercado que não tenham essa ou outra função. Por isso, ao comprar o fogão, questione o vendedor ou pesquise o modelo na internet. 

Enquanto ao design, é possível encontrar fogões de piso e embutir na cor inox, branca ou preta. Já o Cooktop, tradicionalmente é preto, mas no mercado já há muitos modelos com mesa colorida e até de cor amadeirada. Podendo ser inox ou vidro.

A quantidade de bocas dependerá somente do uso do fogão. As marcas apresentam modelos com 2 a 6 bocas e as chamas podem ser duplas, triplas, e até quadri chamas, essas últimas realizam um aquecimento uniforme das panelas. A quantidade de bocas em todos os tipos é a mesma. Há modelos com 4, 5 ou 6 bocas.

A capacidade do forno, nos modelos de piso e embutir, pode variar de 22 L a 96 L. Até existem modelos onde o forno é duplo, logo a capacidade será bem maior. Já para a versão Cooktop é necessário comprar um forno à parte.

Resumindo, ao comprar um fogão considere os seguintes pontos:  

  • Se sua cozinha é do tipo convencional ou planejada; 
  • Quantos pessoas moram na casa; 
  • Se o imóvel é próprio ou alugado; 
  • Se constantemente ocorre mudança de imóvel; 
  • Qual o material e o tipo das panelas usadas; 
  • Qual o espaço disponível para acomodar o fogão; 
  • Se a casa recebe convidados para eventos gastronômicos; 
  • Se usa o forno com frequência;
  • Se a casa tem crianças na casa;
  • Dependendo do modelo escolhido, será necessário contratar uma empresa de assistência técnica de fogões.

Após analisar todos os pontos e descobrir qual o tipo de fogão ideal, será muito mais fácil escolher o melhor modelo e então a melhor marca. Sempre pensando naquilo que satisfaça as necessidades dos clientes e do dia a dia da casa.

Ligue Já!

Open chat